Parceiros do blog - Clique e ajude a manter o blog no ar

terça-feira, 19 de julho de 2016

Taxista é encontrado morto em Passo Fundo

Homem, que estava desaparecido desde domingo (17), foi assassinado e teve o corpo jogado próximo a um riacho. Polícia já identificou o principal suspeito pelo crime e busca localizá-lo

O corpo do taxista Vanderson de Almeida, de 43 anos, foi encontrado jogado no barranco de um riacho, na estrada de acesso a localidade de São Pedrinho, no interior de Passo Fundo, na tarde desta segunda-feira (18). A localização foi efetuada por familiares e colegas taxistas, que faziam buscas por conta própria e acionaram a Polícia. O homem, que foi assassinado, estava desaparecido desde a manhã desse domingo (17), quando teria saído do ponto onde trabalhava, no Centro da cidade, para fazer uma corrida. A equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Desaparecidos (DEHD), coordenada pela delegada Daniela Oliveira Mineto, já identificou um suspeito. Trata-se do foragido Alessandro Padilha, de 23 anos, que já tem antecedentes criminais por homicídio, roubo e tráfico de drogas. Alessandro teria contratado a corrida do taxista para ir até o Bairro Manoel Corralo, onde sua irmã foi baleada na manhã de domingo. Conforme a Polícia, a intenção de Alessandro seria se vingar do autor do disparo que feriu a irmã, de 42 anos, a qual foi socorrida para atendimento hospitalar e sobreviveu. O taxista não tinha nenhuma relação com o fato. Informações que levem a localização do suspeito devem ser repassadas à Polícia pelos números 190 da Brigada Militar ou 197 da Polícia Civil. Conforme a delegada, ainda não se pode afirmar nada, sendo que a intenção é ouvir a versão do suspeito. Devido ao desaparecimento, ainda antes de o corpo de Vanderson ser encontrado, por volta do meio dia desta segunda-feira, taxistas protestaram ao longo da Av. Brasil, pedindo por mais segurança.
Relembre o caso:

Nenhum comentário:

Postar um comentário