Parceiros do blog - Clique e ajude a manter o blog no ar

quarta-feira, 15 de junho de 2016

Cães farejadores reforçam ação do exército

Animais tem faro treinado para identificar drogas e explosivos

A operação Ágata 11, que iniciou nesta segunda-feira, 13, na região é executada pelo 27º Grupo de Artilharia de Campanha “Grupo Monte Caseros” quartel sediado em Ijuí e desta vez conta com o apoio do 3ª Batalhão de Polícia do Exército, seção de cães de guerra, de Porto Algre, que veio para Frederico Westphalen com quatro animais.

De acordo com a capitão Patrícia Barbosa da Silva, veterinária chefe do canil os animais são treinado para faro de drogas, explosivos, policiamento ostensivo, demonstrações de adestramento sempre em ações militares. “Temos 27 animais no total, das raças pastor belga malinois, pastor alemão, labrador e rottweiler. Estamos aqui hoje, com quatro pastor belga malinois para auxiliar na revista dos veículos, pois sabemos que o faro do animal é muito mais preciso. Viemos para reforçar a ação, devido a importância que essa região de fronteira tem”, salientou.

A operação tem o objetivo de combater delitos transfronteiriços e ambientais, bem como intensificar a presença do Estado Brasileiro na faixa de fronteira entre Brasil e outros dez países sul americanos. As ações ocorrem sempre com a parceria dos órgãos de segurança pública federais, estaduais e municipais.
Por: Heloise Santi geral@folhadonoroeste.com.br
Fonte: folhadonoroeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário