Parceiros do blog - Clique e ajude a manter o blog no ar

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

AGDI firma convênios no valor de R$ 5,15 milhões com APLs

APL Agroindústria Familiar e Diversidade Médio Alto Uruguai e Várzea. Implantará Sistema de comercialização, sistema de inspeção e implantação de kits pontos de Comercialização.

Através de editais de projetos a AGDI, buscou iniciativas que promovessem o desenvolvimento regional e gerassem ganhos econômicos às empresas integrantes do APL. E que, dessa forma, colaborassem para aumentar a competitividade do arranjo, fortalecer sua governança e promover o desenvolvimento regional sustentável. 
       O APL Agroindústria Familiar e Diversidade do Médio Alto Uruguai e Rio da Várzeaobteve a seleção do projeto Prioritário apresentado,"MODELAGEM E DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE COMERCIALIZAÇÃO, DE UM SISTEMA DE INSPEÇÃO E IMPLANTAÇÃO DE KITS PONTOS DE COMERCIALIZAÇÃO”, apresentado pela Agencia de Desenvolvimento do Médio Alto Uruguai - ADMAU, referente ao edital 03/2015”.

ADMAU, Fundada em 29 de Agosto de 2013,  representada por de cerca de 30 (trinta) entidades de âmbito regional, A organização, constituição e implantação da ADMAU, foi uma das mais importantes decisões tomadas nestes últimos anos. responsável pela definição, elaboração, e avaliação de projetos viáveis que venham contribuir para alavancar o desenvolvimento regional com sustentabilidade, trabalhar os Arranjos Produtivos Locais, especialmente no processo de desenvolvimento, observando e considerando a diversidade regional.

 APLs  Arranjo Produtivo Local, são aglomerados de empresas e instituições em um mesmo território que apresentam especialização produtiva e que mantem vínculo de interação, cooperação, comércio, tecnologia e aprendizagem entre si e com outras instituições locais, tais como: esferas do governo, associações, universidades, centros tecnológicos, sindicatos, instituições de crédito, ensino e pesquisa, geradores de externalidades econômicas positivas, eficiência coletiva e de um ambiente favorável ao desenvolvimento econômico e social.
O projeto tem sua execução previstas para 2016 e 2017, e pretende criar ferramentas, que permitam identificar as demandas das Agroindústrias e Cooperativas familiares, para atender o mercado institucional, e organizar a oferta destes produtos nos 42 municípios dos coredes do CODEMAU e Várzea

Um comentário:

  1. Muito bom Elizeu é isso ai agora teremos materias regionais para divulgar em nossa emissoras

    ResponderExcluir