Parceiros do blog - Clique e ajude a manter o blog no ar

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

SEGUNDA UNIDADE GERADORA DE FÓZ DO CHAPECO ENTRA EM OPERAÇÃO:

A Usina terá 855 MW de potência e seu funcionamento pleno está previsto para março do próximo ano
Após a realização de todos os testes, a segunda unidade geradora da Usina Hidrelétrica Foz do Chapecó foi sincronizada ao Sistema Interligado Nacional (SIN) e entrou em operação comercial à meia noite desta terça-feira, dia 23 de novembro. A operação da primeira unidade foi liberada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em 14 de outubro passado.
Localizada no rio Uruguai, entre os municípios de Alpestre (RS) e Águas de Chapecó (SC), a usina conta com quatro unidades geradoras que, juntas, totalizarão 855 MW de potência instalada. A previsão é de que as quatro unidades estejam operando até março de 2011. A energia produzida será equivalente a 25% da demanda do Estado de Santa Catarina ou a 18% da demanda do Rio Grande do Sul.
A Foz do Chapecó Energia S.A, Sociedade de Propósito Específico formada por CPFL (51%), Eletrobras Furnas (40%) e CEEE-GT (9%), é a empresa detentora da concessão da usina e responsável por sua implantação. Ao todo, o projeto teve investimentos da ordem de R$ 2,6 bilhões. A construção começou em março de 2007 e envolveu 4,7 mil trabalhadores durante o pico da obra.
A barragem é um dos destaques do empreendimento, já que, pela primeira vez no Brasil, uma hidrelétrica adotou a tecnologia de núcleo asfáltico como vedação. O convencional é o uso de argila compactada. Esta tecnologia, além de propiciar maior velocidade na execução dos trabalhos, mostrou-se como melhor solução para construções em locais de condições meteorológicas adversas, já que o asfalto é menos vulnerável aos períodos chuvosos.

Rádio Comunitária Alpestre
24/11/10

Nenhum comentário:

Postar um comentário